Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Comentários recentes

  • fpeneiras

    A zona de lazer da ponte romana de Monforte foi to...

  • Unknown

    Faça uma pesquisa sobre o periodo histórico do fil...

  • Mylena Souza

    Não sei se já viram esta historia bem feita . No N...

  • João Corbellini

    Está dito acima . O muro foi construído para prote...

  • Fabio Dias

    Como nao entendo muito, sempre tive duvidas de ond...





Lucius Verus

07.12.07
LUCIUS VERUS
(Lvcivs Ceionivs Commodvs)
co-Imperador c/ Marcus Aurelius– 161 a 169 d.C.

Lúcio Vero



  Filho de Lucius Aelius Caesar, Lucius Ceionius Commodus nasceu em Roma no ano 130 d.C. Quando Hadrianus adoptou Antoninus Pius como seu sucessor, este, por sua vez, adoptou Lucius como um dos seus sucessores em virtude do compromisso assumido com o seu antecessor: o imperador Hadrianus anunciou em 136 como sucessor Lucius Commudus, porém com a morte deste, Hadrianus escolheu Antoninus para lhe suceder com o compromisso de adoptar como filhos dois jovens: Lucius Verus, filho de Commudus, e Marcus Annius Verus que o imperador chamava de Veríssimo. Lucius, que passou a chamar-se Lucius Aurelius Verus, ficou noivo de Faustina II, filha de Antoninus Pius, mas o noivado foi desfeito logo após a morte de Hadrianus. Durante o reinado de Antoninus Pius, Lucius partilhou a educação dada a Marcus Aurelius (aparece também como escritor e destinatário nas cartas de Frontão), embora aparentemente ocupasse um lugar secundário. Tomou parte, com Marcus Aurelius, nos conselhos do imperador.

  Diz-se que gozava os prazeres da vida e gostava muito de desportos, principalmente dos espectáculos de gladiadores. Tornou-se cônsul pela primeira vez em 154, e pela segunda (com Marcus Aurelius) em 161. Quando Antoninus Pius morreu (7 de Março de 161), Lucius tornou-se co-imperador junto com Marcus Aurelius, por insistência deste, embora fosse dez anos mais moço, tendo o Senado concedido a Lucius Verus o poder tribunício, o imperium proconsular e o título de augustus, elevando-o ao mesmo nível do irmão. Ficou noivo da segunda filha de Marcus Aurelius, Lucilla, com quem se casou por volta de 164.

  Na primavera de 162, Lucius foi para o Oriente para enfrentar a ameaça dos partos, e lá ficou até eliminá-la, com as vitórias de 165-166. Voltou para Roma em 166 e partiu para o norte, com Marcus Aurelius, em 168, passando o Inverno em Aquiléia. No início de 169, quando se dirigia para a fronteira do norte, morreu de ataque cardíaco perto de Altino.



Denário com o busto de Lucille

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 19.08.2008 às 04:41

Ah, o infame Comodo. Um imperador com um dos mais increditáveis dos actos: o seu apreço pelo Jogos de Gladiadores era tal que combatia, ele mesmo, nos jogos. Como é que os gladiadores seus «adversários» se sentiam a lutar contra o seu imperador/divindade (já que os imperadores eram objecto de culto religioso) e de que forma isso influenciava o resultado dos combates é um ponto curioso. mas ele lá viveu, combatendo nas arenas, governando o império e sem morrer pela espada de um qualquer general-romano-feito-gladiador-chamado-Máximo. ;^) Enviado por Mauro em dezembro 8, 2007 12:23 PM

Olá Mauro. Não era este o tal Comodo a que te referes. Esse,Lvcivs Aelivs Avrelivs Commodvs, era filho de Marco Aurélio e de Faustina. Será aqui retratado num dos próximos temas. Abraço Enviado por marius70 em dezembro 15, 2007 07:58 PM

Passei por aqui e aprendi mais um pouco, adoro história, não perco nenhum filme histórico pois parece-me que estou a viver aqueles momentos. Abraços. Enviado por João em dezembro 21, 2007 04:58 PM

Marius, já quase desistia de tentar visionar a página na totalidade. Devo estar com uma ligação péssima, lenta que nem uma tartaruga coxa. Não consegui por diversas vezes entrar também no blogue da Ir... e não só hoje. Há dias que tenho tentado...e nada! Não passa da imagem de rosto para baixo. Desejo que tenham passado um Natal com muita Paz e harmonia e que 2008 vos traga tudo de Bom. Jorge G. Um abraço e outro à I.... ,meus e da minha gente. jorge G Enviado por Jorge G - O Sino da Aldeia em dezembro 26, 2007 08:14 PM

Comentar post





Comentários recentes

  • fpeneiras

    A zona de lazer da ponte romana de Monforte foi to...

  • Unknown

    Faça uma pesquisa sobre o periodo histórico do fil...

  • Mylena Souza

    Não sei se já viram esta historia bem feita . No N...

  • João Corbellini

    Está dito acima . O muro foi construído para prote...

  • Fabio Dias

    Como nao entendo muito, sempre tive duvidas de ond...